contato@usepiracicaba.com.br | (19) 3402-8022

OBSESSÃO:     -   É BOM SABER.    PODE ESTAR   ACONTECENDO CONOSCO !!

                                                                                 jairocapasso@uol.com.br

    A obsessão existe desde que o homem adquiriu o livre–arbítrio e passou a responder por suas ações. Devido à aplicação da Lei de Causa e Efeito. Esta resposta já nos explica como ocorre a obsessão. Assim, somos nós que atraímos a obsessão por nossos  atitudes censuráveis, isto é, por  atos, pensamentos e sentimentos  negativos, desta existência ou de outras.     Então, é possível saber como evitar a Obsessão,   agindo positivamente, melhora íntima, oração, caridade, trabalho voluntário pelo próximo.    Só espíritos inferiores provocam obsessão, os evoluídos não, pois nos respeitam e só agem para nos ajudar. Os espíritos inferiores não são apenas os maus, mas os maus e os ignorantes.  O Mau é aquele que quer fazer o mal conscientemente. O ignorante é o que interfere pensando que  está certo e prejudica. Exemplo: Um familiar desencarnado que nos acompanha querendo dar palpite em tudo, achando que precisamos de sua ajuda. Só que ele não sabe tudo e interfere negativamente.

OBSESSÃO, no sentido amplo da palavra é tudo o que nos atrapalha, interfere; é o domínio de alguém ou algo em nossa vida. Pode vir de dentro de nós mesmos (de nossa mente) ou de fora, de pessoas ou espíritos. Mas tudo é resultado de nosso modo de ser e pensar, ou de algum erro ou falta que estamos fazendo ou fizemos nesta existência ou em outra. É uma ideia fixa negativa, um vício, um defeito que nos aprisiona, uma pessoa ou um espírito que nos importuna. Há obsessores que nos fazem recordar um vício de vida passada e nos estimulam  a  repeti-lo para nos obsidiar.

L.E. perg. 459 – os espíritos estão por toda parte e muitas vezes são eles que nos dirigem. Como resolver isso? Ter um bom livro de cabeceira, por exemplo  –  O Evangelho Segundo o Espiritismo. E PRATICAR O BEM QUE APRENDEMOS. Operar uma grande mudança em nós – nos pensamentos, nas atitudes, nos sentimentos; ser útil, fazer a melhora íntima (P.919 LE) e todos os dias – vigiar e orar. Para se livrar das obsessões.  CAMINHOS USADOS PELOS OBSESSORES: - Consciência pesada os atrai, culpa, remorso, medo, descontentamento, intolerância, todo tipo de vício, tabagismo, alcoolismo, drogas, promiscuidade sexual. O cultivo da raiva, o ódio, ganância, mágoas, ressentimento, inveja, ciúme, vaidade, orgulho, egoísmo. Quaisquer outras emoções negativas SÃO PORTAS ABERTAS PARA A OBSESSÃO. O Obsessor examina nossas franquezas e as estimula para através delas baixar nossas vibrações e nos dominar.

Tipos de Obsessão. A obsessão espiritual pode progredir de simples, para fascinação e subjugação, o grau mais prejudicial, se nos descuidarmos moralmente e nos comprometermos com erros, defeitos e vícios.

Outro tipo de obsessão é a Auto-Obsessão:   -  O  MARTÍRIO DE SI MESMO

Eu sou gorda - eu sou doente - todos me perseguem - nada dá certo para mim - Paixão cega - ódio - culpa que não esquece - Ela, depois de instalada, atrai obsessores também.

A Escravização do pensamento: ( L.E., questão 833, Allan Kardec).   “haverá no homem alguma coisa que escape a todo constrangimento e pelo qual goze ele de absoluta liberdade?” R. No pensamento goza o homem de ilimitada liberdade, pois que não há como pôr-lhe amarras. Pode-se-lhe deter o vôo, porém, não aniquila-lo. (DEPENDE DELE)

Obsessão é escravidão temporária do pensamento, imantando credores e devedores que, inconscientemente ou não, se buscam pelas leis cármicas. Pelo pensamento nós nos libertamos ou nos escravizamos.