União das Sociedades Espíritas
Intermunicipal de Piracicaba

Pesquisa por Casas Espíritas Afiliadas

Catástrofes e Renovação

A Terra vendo sendo assolada por fatores climáticos dos mais diversos. Ora chuvas constantes causando sérias inundações, não só em regiões mais desérticas, mas também em cidades grandes, como São Paulo e nos estados de Alagoas e Pernambuco ocasionando mortes em grande escala, de jovens, idosos e crianças além de desabrigar inúmeras pessoas, causando-lhes prejuízos incalculáveis e irremediáveis.

Muitos perdem tudo que foi produto de anos a fio de economias. E, não obstante isso tem, ainda, de deixar seus lares inundados, correndo pelas enchentes, riscos de várias doenças oportunistas como leptospirose e tantas outras provenientes de água parada poluída.

Tais desgraças estão ocorrendo em toda face da Terra. Quando não são as águas, é o calor excessivo que mata ou o frio rigoroso que também gera tragédias como nos acontece E.U.A. Há poucos anos um tsunami atingiu a Ásia e parte da África. Ondas gigantescas atingiram edifícios, casas e hotéis da orla marítima, fazendo vítimas incalculáveis que pereciam nas águas turbulentas do mar. No Haiti e no Chile, recentemente, milhares de pessoas pereceram em terremotos que atingiram cidades destes países destruindo e matando pessoas.

Porém, se analisarmos estas tragédias, até costumeiras, só no aspecto da matéria palpável, paramos e nos perguntamos: - Onde está Deus que não atende essa parte da humanidade sofredora, desventurada e aflita - Lembremos as palavras de Cristo: - Bem aventurados os aflitos - como alento para aqueles que sofriam desde a época do Mestre. Por que as tragédias se sucedem?

A resposta é simples, porque a Terra é um mundo de expiação e prova e aqueles que aceitam o sofrimento serão ditosos no mundo espiritual porque o sofrimento é passageiro. A dor burila o espírito e recupera o homem equivocado do passado, agora, expiando suas mazelas e sendo provado.

Dessa forma, analisando os infortúnios no aspecto espiritual, conclui-se que o remédio de sabor ruim cura o Espírito. Por isso que a Terra está sendo sacudida por catástrofes e alertas ao homem.

No livro dos Espíritos, na Lei de Destruição, pergunta 728, vem a seguinte resposta: - É preciso que tudo se destrua para renascer e se regenerar, porque o que chamais destruição não é senão uma transformação que tem por objetivo a renovação e melhora dos seres vivos.

As destruições vêm acontecendo dentro de uma programação divina. Pois Deus está dentro de nós no Espírito. As tragédias não afetam o Espírito. Assim, compreendamos que as desditas terrenas do homem são necessárias para que este possa acelerar seu progresso espiritual. Pense nisto!

João Cabral - Presidente da ADE-SERGIPE- Jornalista. Radialista. Web site: www.ade-sergipe.com.br
Fonte: Jornal da ADE-Paraná.