União das Sociedades Espíritas
Intermunicipal de Piracicaba

Pesquisa por Casas Espíritas Afiliadas

FÉ CURA?


 

 

       No capítulo 14 Os fluidos - item 31 - Curas - do livro A Gênese, Allan Kardec explica que: “A cura se opera pela substituição de uma molécula malsã por uma sã.”

       Podemos classificar as curas em: curas materiais e curas espirituais. As curas materiais são proporcionadas pela Medicina, pelos remédios: As espirituais são as que se realizam com a participação dos médiuns. Neste ponto, o tratamento espiritual não dispensa o tratamento médico e vice-versa.

      E quanto às curas de Jesus? No capítulo 15 de livro a Gênese, o Codificador do Espiritismo observa: Nas curas que operava, Jesus agia como médium? Não.  Pois o médium é um intermediário, um instrumento do qual se servem os espíritos desencarnados. Ora, o Cristo não tinha necessidade de assistência, ele que assistia e auxiliava os demais; agia, pois, por si mesmo, em vista de seu poder pessoal, tal como o pode fazer os encarnados em certos casos, e na medida de suas forças. Aliás, qual seria o Espírito que se ousaria insuflar-lhe seus próprios pensamentos e encarregá-lo de os transmitir? Se ele recebesse um influxo estranho, não poderia ser senão de Deus; pois ele era o médium de Deus.

      O tempo para a obtenção da cura pode variar dependendo de cada caso. Temos que considerar que CADA UM DE NÓS ESTÁ SUBMETIDO À LEI DE CAUSA E EFEITO, por isso, não obtemos a cura de todos os nossos males, nesta vida. Jesus não curou a todos.

       No Evangelho segundo o Espiritismo há uma mensagem de um Espírito Protetor que nos orienta: “A fé é humana e divina, conforme o homem aplica suas faculdades à satisfação das necessidades terrenas, ou de suas aspirações celestiais e futuras.

O homem de gênio, que se lança à realização de algum empreendimento, triunfa se tem fé, porque sente em si que pode e há de chegar ao fim colimado, certeza que lhe faculta imensa força. O homem de bem que, crente em seu futuro celeste, deseja encher de belas e nobres ações de sua existência, haure na sua fé, na certeza da felicidade que o espera, a força necessária, e ainda aí se operam milagres de caridade, de devotamento e de abnegação. Enfim, com a fé não há maus pendores que não se chegue a vencer.”

       O Magnetismo é uma das maiores provas do poder da fé posta em ação. É pela fé que ele cura e produz esses fenômenos singulares, qualificados outrora de milagres.

       O Espiritismo que restaura, atualmente, o primitivo Cristianismo vem orientando e ajudando nas curas espirituais pela desobsessão espiritual. O passe magnético. A água fluidificada. A reforma íntima sem esquecer da Caridade nas curas pela Terapia do Perdão. Façamos, pois... Fontes: A Gênese. ESE.

 

Mensaje traducido por Isabel Porras   –    España

 

João Cabral - Presidente da ADE-SERGIPE – Jornalista. Radialista. Website: www.ade-sergipe.com.br

 

Publicada no JORNAL CINFORM de Aracaju em 29.11.2010 com uma tiragem de 25.000 exemplares.