União das Sociedades Espíritas
Intermunicipal de Piracicaba

Pesquisa por Casas Espíritas Afiliadas

Pensamentos negativos podem até matar

 

 

 

Enfermidades são os resultados,  não só dos nossos atos, COMO TAMBÉM

DOS NOSSOS PENSAMENTOS”

 

       Mahatma Gandhi

 

 

 

Emmanuel nos diz que “somos o que pensamos”. Os pensamentos negativos podem nos trazem fobias, ansiedade, medo, depressão, loucuras por ideias fixas, úlceras, hipertensão, distúrbios de tireoide, neuroses, obesidade, estresse, traumas, compulsão, dependências diversas, rejeição, vícios, raiva, ciúmes, dificuldade em perdoar, rancor, mágoas, tristeza. Podemos afirmar que os pensamentos negativos tornam na nossa vida um verdadeiro caos. A sabedoria popular diz “ mente vazia é oficina do diabo”. 

Assim as mentes não cuidadas são como portas abertas, onde entram de tudo, poeira, chuva, insetos, bichos...São nestas mentes mal cuidadas que os vícios e as tentações se alojam com facilidade. Em Piracicaba tivemos um caso que merece atenção. Uma família vivia feliz. O Marido, a mulher, dois filhos e a sogra. A sogra sentia segurança e a presença dos familiares a fazia feliz. Ela frequentava a 3ª idade, ia a passeios, bailes. Até que um dia o genro disse que iria tentar a vida no Japão. E a família foi, ficando a sogra sozinha. Ela passou A NÃO MAIS SAIR DE CASA, E FICAR SOLITÁRIA E EM SEIS MESES FALECEU. Com certeza os seus pensamentos negativos provocaram isso. 

Essa antiga crença popular acaba de ganhar comprovação científica. Publicado na revista Science Translational Medicine, um estudo liderado pela Universidade de Oxford, da Grã-Bretanha, com a participação de outras três instituições europeias, mostrou que O PENSAMENTO NEGATIVO PODE, SIM, TER CONSEQUÊNCIAS NOCIVAS. Pelo menos quando o assunto é saúde. Decididos a desvendar os mistérios do cérebro e a testar se as convicções dos pacientes podem alterar o resultado de um tratamento, os cientistas reuniram 22 voluntários para uma bateria de exames. 

No laboratório, sem que os envolvidos soubessem, manipularam suas expectativas em relação à dor. Os resultados foram surpreendentes. Imagine a cena: - acomodados em um aparelho de ressonância magnética, com tubos intravenosos nos braços, os participantes foram expostos a uma dor física, provocada por uma fonte de calor. Pela corrente sanguínea, passaram a receber um analgésico potente. Em determinado momento, ficaram sabendo que o medicamento seria cortado repentinamente. Quando isso aconteceu, os relatos de sofrimento aumentaram vertiginosamente. Nada demais, não fosse um pequeno detalhe: - eles continuavam medicados. 

O mais curioso é que, por meio de imagens da atividade cerebral dos voluntários, os estudiosos confirmaram que eles realmente sentiam o desconforto relatado. Em outras palavras, A CERTEZA DE QUE A SITUAÇÃO IRIA PIORAR ANULOU O EFEITO DO REMÉDIO. — Isso mostra que os médicos não podem subestimar a influência das expectativas negativas que os pacientes têm sobre o resultado de um tratamento —, declarou a professora Irene Tracey, do Centro de Ressonância Magnética Funcional do Cérebro da Universidade de Oxford, que comandou o trabalho. 

Psicólogo e escritor Português, docente na Pós-Graduação de Psicologia da Consciência, da Universidade Autónoma de Lisboa, nos diz que PENSAMENTO NEGATIVO SE FORTALECE EM NOSSO MENTE SÓ PELO FATO DE PENSAR NELE, mesmo que seja coisa que não aceitamos. Pensar no inimigo é fortalecer esse pensamento na mente; assim CONCLUI que devemos então procurar manter em nossa mente apenas pensamentos agradáveis, positivos, pois eles se fortalecem e nos trarão bem -estar. Os pensamentos negativos vêm à nossa mente como colheitas de nossa história vivida, isto é, o que vivenciamos são lembranças em nossa mente. Por isso precisamos saber selecionar as nossas lembranças. E os pensamentos negativos são lembranças de fatos negativos. 

Por exemplo, um trauma sofrido que repetimos em nossa mente seguidamente, ao invés de esquecê-lo. Uma mágoa ou ódio que repetimos e se torna crônica em nossa mente. Um vício que alimentamos; costumes sexuais que não tiramos da mente, são também fortalecidos pela repetição. Pensamos, pensamos e pensamos e esses pensamentos passam a ter domínio e se fortalecem, acabando a nos conduzir por eles. Estudos nos dizem que ao mantermos o pensamento negativo só o estamos solidificando. Por exemplo, não gostamos de uma pessoa. Pensamos nela com raiva. Desprezo. E estamos sempre com esse pensamento na mente. Esse pensamento negativo vai-se solidificando, ganhando corpo enraizando-se na mente e nos prejudicando. 

O psicólogo Português que estudou o assunto nos diz que a solução está na substituição desses pensamentos por situações agradáveis, pensamentos elevados que permanecendo na mente iriam não dando mais espaço para que os negativos ali permanecessem. Desde o século passado estudiosos comprovaram, (Pensamento e Vontade", de Ernesto Bozzano) hoje confirmado pela espiritualidade que ao pensarmos não somente emitimos energia, negativa ou positiva que afetam os ambiente e pessoas em nossa volta, mas também os pensamentos repetitivos formam formas–pensamento. O que isto significa? Que os nossos pensamentos criam imagens energéticas do que pensamos em torno da mente, imagens que podem ser vistas por videntes e pelos espíritos. Essas imagens também nos obsidiam ( auto obsessão) porque nossa mente as captam seguidamente, pois elas estão fixas em nossa volta. 

Pensamentos negativos então nos trazem doenças físicas e espirituais. E atraem energias semelhantes e espíritos que vibram e na mesma faixa vibratória que a nossa. Como esses espíritos são também doentes aumentam as nossas doenças e os nossos pensamentos negativos crescem mais ainda. Esses pensamentos quase sempre são alimentados por nós, porque estamos sempre nos lembrando deles. Um pensamento pode nos trazer alegria ou tristeza, saúde ou doença ou até a morte...TEMOS QUE TORNAR NOSSA MENTE AGRADÁVEL COM BONS PENSAMENTOS , A ESCOLHA É NOSSA.

Jairo Capasso