União das Sociedades Espíritas
Intermunicipal de Piracicaba

Pesquisa por Casas Espíritas Afiliadas

Uma nova medicina para um novo milênio

 

 

Dra.Marlene Nobre é presidente da Associação Médico-Espírita 
(AME) Internacional

O mundo atinge, hoje, o paroxismo da vivência
materialista. Com o predomínio do paradigma
reducionista, calcado no egoísmo, assiste-se ao
recrudescimento do hedonismo, da violência, da
ambição sem freios, dos vícios, da intolerância religiosa,
das grandes desigualdades e calamidades sociais.

Felizmente, porém, cresce o número das “minorias
criativas”, conforme previu Arnold Toynbee, que pensam
diferentemente do modelo predominante. A cada
dia, mais pessoas enxergam o ser humano de forma
integral, corpo e espírito, conectado a uma imensa teia
invisível, que engloba micro e macrocosmo, e trabalham
pela aliança definitiva entre ciência e espiritualidade.

A Teoria da Relatividade e a Física Quântica estão na
base dessa nova visão do ser e do mundo: a matéria
cedeu lugar à energia, o tempo revelou-se variável,
o movimento descontínuo, a interconectividade não
localizada, e a consciência capaz de influir nos eventos,
selecionando possibilidades.

Desde o século XIX, com o surgimento das obras de
Allan Kardec, o Espiritismo apresentou-se ao mundo
como uma das “minorias criativas”, revelando essa nova
visão da realidade, a partir de estudos e pesquisas, que
evidenciaram a existência do espírito e das diversas
dimensões da vida espiritual.

No século XX, essas
revelações continuaram nos 412 livros psicografados
pelo médium brasileiro Francisco Cândido Xavier,
supervisionados por um de seus autores, Emmanuel, o
seu guia espiritual.

Nos dois últimos congressos da Associação Médico-
Espírita do Brasil (AME-Brasil) e da AME-Internacional,
realizados em São Paulo, os médicos e especialistas
brasileiros apresentaram estudos sobre essa obra
magnífica, que traz, sobretudo, revelações importantes
no campo da Ciência e, em particular, da Medicina.



Com a finalidade de apresentar aos colegas e ao
pessoal da Saúde essa nova visão do ser humano e
do mundo, proposta pelo paradigma médico-espírita,
é que a AME-Internacional está realizando diversos
eventos internacionais.



Com estes, espera não somente
contribuir para a solução da grave crise ética por que
passam as ciências da vida, mas, igualmente, permutar
experiências com militantes de outras “minorias
criativas” das mais diversas regiões do Planeta, que
estejam abertos ao diálogo e dispostos a somar
esforços, na construção de um mundo melhor, onde
estejam totalmente integrados Fé e Razão, Amor e
Sabedoria!



Muita Paz!

Marlene Nobre