União das Sociedades Espíritas
Intermunicipal de Piracicaba

Pesquisa por Casas Espíritas Afiliadas

O PERISPÍRITO E A AURA

 

 

 

 

 

"O Livro dos Espíritos" - Questões 93 a 95

 

Estudo Espírita

Promovido pelo IRC-Espiritismo

 

Expositor: Pedro Vieira

Rio de Janeiro

29/04/2000

 

 

Perguntas/Respostas:

 

<Solmar>  Só uma dúvida, a cor de nossa aura depende do que pensamos?

 

<Pedro_Vieira> Allan Kardec, em "A Gênese", nos diz que o nosso pensamento influencia de maneira decisiva os fluidos espirituais que nos cercam. Sob a influência direta de nosso psiquismo, de nosso perispírito, estão os fluidos espirituais que naturalmente nos cercam. Essa influência sobre os fluidos espirituais, ou também chamada de "irradiação do psiquismo" ou "irradiação do perispírito" é a aura. Médiuns videntes e espíritos desencarnados atribuem ao tipo de vibração que esses fluidos adquirem uma determinada coloração.

 

Se esses fluidos vibram influenciados diretamente pela ação do perispírito, que responde ao pensamento, e os Espíritos e médiuns o descrevem na forma de cores, certamente essas cores são provenientes diretamente do nosso pensamento. Portanto a resposta é positiva.

 

<Reinaldo_> Apenas para resumir o que eu entendi: o perispírito seria, digamos, o "canal" por onde o espírito envia suas ordens ao corpo físico, e também por onde ele recebe as sensações experimentadas por este mesmo corpo, isto é correto?

 

<Pedro_Vieira> Perfeito. Esta é uma das funções do perispírito: mediador entre o corpo físico e o espírito, em cada planeta.

 

<Solmar> Ainda relacionada a pergunta anterior, pela afirmativa, nossa aura muda de cor a todo instante. Se eu for a um Centro Espírita e um médium disser que minha aura está com coloração densa, ele pode não esta retratando a cor de forma correta, pois se eu pensar em coisas puras logo após, já não estaria assim tão pesada?

 

<Pedro_Veira> Na realidade, a plasticidade do perispírito é relativa a nosso estado e não a nossos pensamentos momentâneos. No Plano Espiritual é impossível disfarçar o que somos, porque os fluídos à nossa voltam refletem o nosso estado de espírito, não os nossos pensamentos de momento.

 

É possível que, por invigilância momentânea, sejamos levados a pensar algo que não corresponde ao nosso estado vibratório natural. Esse tipo de atitude não influencia na nossa vibração como um todo. O fluído não responde à nossa vontade de brincar com ele, mas à nossa vibração, que, para termos controle, devemos lançar mão dos processos de auto-conhecimento e melhora íntima, não de tentativas fugidias de nos esconder também no plano espiritual. De mais a mais, num Centro Espírita nunca " o médium vai dizer a coloração de sua aura". Não é essa a finalidade da Casa Espírita.

 

<Naema> Você poderia diferenciar aura de perispírito?

 

<Pedro_Vieira> Aura é a emanação do perispírito, como uma chapa quente que espalha calor à sua volta, o perispírito influi diretamente sobre o fluido espiritual que o cerca, produzindo nele fenômenos vibratórios compatíveis com o seu próprio estado vibratório.